Portfólio de Paginas Internet

Sobre o cliente
Cooperativa de Freixo de Numão
Esta Cooperativa viu a luz do dia em 19 de Junho de 1957, e foi chamada "Adega Cooperativa de Freixo de Numão, SCRL", conforme escritura lavrada no Cartório Notarial de Vila Nova de Foz Côa. Os seus Estatutos foram aprovados por Alvará firmado pelo então Ministro da Economia, Ulisses Cortês, em 23 de Agosto do mesmo ano.

Deu os primeiros passos com 12 fundadores, em breve tinha uma trintena de cooperantes e em 1959, primeiro ano da sua laboração, recebeu 240 mil quilos de uvas. A criação desta Cooperativa surgiu em boa hora, pois muito tem contribuído para a valorização qualitativa da produção vinícola e para a dinamização da vitivinicultura da sua área de acção. Assim, neste capítulo, a Cooperativa tem, actualmente, uma produção média de 1.800.000 litros de vinho de mesa (pasto) e 1.5000.000 litros de vinho generoso. Possui uma capacidade de armazenagem de 1.200.000 litros em cubas, 2.000.000 em balões e 1.500.000 em cubas de inox. Figurando sem favor e com destaque nas cartas de vinhos de muitos e bons restaurantes nacionais, sendo também possível adquirir vinho desta Cooperativa em diversos estabelecimentos do País e fora dele.

Atenta às necessidades dos seus associados e da região onde se insere, alargou a sua actividade ao sector da olivicultura e aqui tem vindo também a averbar muitos pontos, dados os seus objectivos ecológicos e a sua preferência por meios técnicos que em muito valorizam os seus produtos. Para tanto, adaptou e alargou as instalações, tendo a funcionar exemplarmente uma "Secção de Olivicultura" Consequência inevitável do seu crescimento, a Cooperativa vem alargando o seu campo de acção e passou a denominar-se "Cooperativa de Viticultores e Olivicultores de Freixo de Numão, CRL", podendo dizer-se que actualmente averba pontos altos em resultado da constante melhoria da qualidade dos seus produtos, no que se pode considerar verdadeiramente modelar.
5 de fevereiro, 2006
+351 279 780 010